sexta-feira, 5 de julho de 2013

Hipócritas desinformadas....


Essas "patricinhas" não têm aparência de médicas formadas, ou são residente, ou ainda são alunas da faculdade. Bom, nos dois casos eu jamais me consultaria com elas, seria temerário. Prefiro mil vezes  um médico cubano, formado e experiente, já que  Cuba é citado, mas pode ser outro médico estrangeiro formado e experiente. Vocês deveriam se informar melhor: a presidenta Dilma não tem mais o linfoma. Até o presente momento, ela está curada e, se até 2014, ela não apresentar nenhum tipo de neoplasia (câncer), a cura é definitiva. Não sei se vocês tem conhecimento disso, ou faltaram a essa aula. Mas diz uma coisa queridinhas, quando vocês concluírem, de fato, o curso de medicina, terminar a residência, vocês irão exercer a medicina, digamos, na periferia de SP, ou no interior? Vocês iriam, por exemplo, para o Amazonas atender a população carente, os ribeirinhos? Iriam para o sertão do nordeste onde há uma imensa população carente de médicos? 

Os médicos estrangeiros que serão contratos irão para esses lugares que vocês provavelmente jamais irão. Vocês, queridinhas, como muitos outros, pretendem continuar na equipe onde farão a sua residência médica - bom, isso se forem boas estagiárias, se não fizerem nenhuma cagada. Ou vão abrir seus consultórios particulares, com ar-condicionado, frigobar, e atender pacientes  particulares, e os melhores convênios. Vocês, queridinhas e sonsas, será que vão pôr a mão na massa pra valer? Sabe, queridinhas, com garra, com disposição, com muito conhecimento, técnica, com amor ao próximo. Queridinhas, não basta ter o diploma de médico, tem que ser médico de fato, ter paixão pela profissão, interesse em estar sempre se atualizando, interesse pelo bem-estar, pela saúde do ser humano, estudando, se aperfeiçoando. E o principal: salvando vidas, sem olhar de quem. 

Leiam o juramento de Hipócrates e deixem de ser hipócritas: 


“Prometo que, ao exercer a arte de curar, mostrar-me-ei sempre fiel aos preceitos da honestidade, da caridade e da ciência. Penetrando no interior dos lares, meus olhos serão cegos, minha língua calará os segredos que me forem revelados, o que terei como preceito de honra. Nunca me servirei da minha profissão para corromper os costumes ou favorecer o crime. Se eu cumprir este juramento com fidelidade, goze eu para sempre a minha vida e a minha arte com boa reputação entre os homens; se o infringir ou dele afastar-me, suceda-me o contrário.”

Entenderam, queridinhas, ou querem que eu desenhe?

Jussara Seixas [Editora do Terra Brasilis - São Paulo]

3 comentários:

Anônimo disse...



Tratar do povo é ser patriota e eu duvido que por patriotismo essas meninas de cabeça oca recém formadas na medicina seriam capazes de se doarem a essa causa popular. Porra nenhuma. São na realidade médicas de vitrines de Shopping Centers e nada mais.

AZARÃO disse...

Ser médico é uma profissão, não uma missão, não um sacerdócio, eles têm que ser tratados como profissionais e não como abnegados. Vocês nem conhecem as moças e ficam fazendo de juízo de valores delas. Só porque são bonitinhas e bem tratadas. Qual o problema? Elas são médicas, ou estudantes de medicina, não são freiras nem guerrilheiras masculinizadas de suvaco cabeludo. Bem coisa dessa "esquerda" que não existe em nenhum lugar do mundo, a não ser, talvez, mesmo em Cuba. Por que vocês, da chamada esquerda, não vão morar uns tempos sob o saco do tio Fidel? Morar em Cuba como cubanos, não como turistas, entrar na fila pra pegar a ração do mês e etc? Não aguentariam um mês.
Patricinhas? O que me dizem então de sua deusa maior, Dilma Rousseff, que gasta mais de 3 mil reais só para se maquiar a cada pronunciamento em rede nacional, e ainda fica aquela desgraça.
Esquerda de araque, é o que vocês são. Médico cubano tem que ficar por lá, chega de estrangeiros incapazes por aqui.
http://amarretadoazarao.blogspot.com.br/

Diógenes Afonso disse...

Ser profissional, seu AZARÃO, é exerce a profissão, certo? Então, porque não vão para o interior exercer o sue ofício? Se não querem ir, deixem quem queira.

"Estrangeiros incapazes"? Vc não lê o que se diz da medicina cubana, seu AZARÃO? A ONU reconhece a competência dos profissionais cubanos... parece que só você e os que estão contra não sabem disso. Outra coisa: você vem me falar em incapacidade e esquece quantos erros médicos existem e são acobertados pelo CRM.

Por fim, acho que o debate não deve trazer expressões chulas como as que vc usou. Substitua-as por outras que mostrem seus argumentos.

Abs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...